RSS

Arquivo da tag: parabrisas

Cuidados ao colocar adesivos de candidatos no carro.

A cada 4 anos temos eleições presidenciais e municipais no país. Para fixar o seu número na mente do eleitor e conquistar votos, os candidatos procuram formas de divulgar a sua imagem e torná-la conhecidas. Vale produzir panfletos, jingles, bandeiras entre outras mídias. A propaganda eleitoral tem as suas regras para usar mídias em campanhas, mas vou falar de uma mídia muito utilizada nos carros nesta época. Os Adesivos.

Eu já havia falado sobre eles aqui no blog onde dei dicas para removê-lo. Agora é sobre o o uso desta mídia e a legislação de trânsito. O código de trânsito não proíbe os motoristas de colocarem em seus veículos o adesivo do candidato escolhido. Contudo, é preciso tomar cuidado.

Se o adesivo for colocado no para-brisas traseiro ou em apenas uma parte do carro não há problemas, mas se lele for cobrir todo o veículo verifique se o adesivo do candidato não irá descaracterizar a cor do carro. Se ele é de outra cor que não está contida nos documentos do veículo, você terá que ir até o Detran da sua cidade e pedir autorização para acrescentar a ‘cor fantasia’ do carro. Se o veículo for flagrado sem a autorização ela perde 4 pontos na carteira e paga uma multa de R$ 127,00.

Essa medida não se aplica apenas a adesivagem em campanhas políticas, ela serve para campanhas publicitárias e empresas que optam por colocar a sua marca em todo o carro.

Tomando esses cuidados você pode transitar por aí tranquilo e fazer campanha para o candidato que você escolheu.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 setembro, 2012 em Carros

 

Tags: , , , , ,

Como evitar o barulho das borrachas do limpador de para-brisas rangendo no vidro.

Não tem coisa mais irritante que o barulho da borracha do limpador de para-brisas rangendo no vidro. Os pelos arrepiam, você serra os dentes e um frio na espinha são os sintomas do incomodo, para o motorista e passageiros. Para você não passar por esse desconforto, aprenda a deixar as borrachas do limpador de para brisas sempre lubrificadas.O acúmulo de gorduras e poeiras são os principais fatores que contribuem para o ressecamento das borrachas da palheta. Limpe o vidro e as borrachas com detergente neutro. Se isso não apresentar solução, pode haver um desnível entre o contato da borracha do limpador de para-brisas e o vidro.  Para manter nível, dobre a borracha para o lado contrário que ela está rangendo. Assim,ambos os lados estarão por igual.Após essas, medidas se o problema persistir, você terá que passar na Pereira Auto Peças para obter um limpador de para-brisas novo.

Loja 1 – Av. SN 3, nº 02 – Cidade Nova II – Coqueiro – Ananindeua – Pará. Tel.: (91) 3214-3000

Loja 2 – Av. Tavares Bastos, nº 1414 – Marambaia – Belém – Pará. Tel.: (91) 3073-3300

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 janeiro, 2012 em Carros, Manutenção

 

Tags: , ,

Como consertar parabrisas trincado

Um dia desses, um dos meus seguidores no twitter compartilhou que o vidro de seu carro estava trincado, pois haviam tentado roubá-lo. Além de tentativas de roubo, pedrinhas que saltam da estrada, a variação de temperatura ou a má instalação (forma, tipo de cola, tamanho do vidro, espaçamento, entre outros) também podem causar a quebra ou trinca de vidros. Sabendo que, nessas férias, esse caso pode ser o de muitas outras pessoas, resolvi fazer um post para que ele e outros saibam como lidar com o problema dos parabrisas trincados.

Para a maioria dos motoristas, uma pequena trinca no vidro parece algo inofensivo. Mas isto é um engano.Trafegar com o parabrisas danificado é ilegal segundo resolução do Contran (Conselho Nacional de Trânsito) e se configura como uma infração grave que pode resultar em cinco pontos na carteira e retenção do veículo ate que ele seja regularizado.

Além disso, um vidro trincado pode comprometer a segurança dos passageiros e a visibilidade do motorista. Algumas trincas tendem a ir aumentando de tamanho, podendo resultar na quebra total do vidro a qualquer momento, pela sua má sustentação.

Mas existem alguns tipos de rachaduras que podem ser consertadas com um reparo. Se o parabrisas trinca e não fragmenta é porque ele é laminado, ou seja, é uma espécie de um sanduíche de duas placas de vidro com um recheio de um filme transparente. O que normalmente acontece quando ele trinca, é uma dessas placas que racha, mas, a outra segura. Se a rachadura tiver até 60cm, existe um forma de conserto, por parte de um especialista, que utilize alguns tipos de resina. Algumas pessoas dizem que esse risco se resolve com a utilização de alguma fita adesiva ou cola, o que não é verdade, pois as fitas só tem a função de evitar que resíduos entrem na rachadura antes que seja feito o reparo, do contrário, quanto mais resíduos entrarem na rachadura, mais visível ela ficará, mesmo depois do reparo, que deve ser realizado o mais breve possível.

Além dos parabrisas laminados, existe também o parabrisas temperado, mas a legislação exige o uso de vidros laminados, no entanto, alguns motoristas trocam o componente original por temperado, que é bem mais barato e ainda é vendido no mercado paralelo. Uma “esperteza” que pode custar caro, pois, diferente do laminado, o parabrisas temperado se despedaça em caso de choque.

Se a rachadura for do lado do motorista ou for muito grande, a melhor solução é fazer a troca definitiva do parabrisas.

Lembrem-se que, quando o assunto é direção, a segurança deve ser sempre priorizada.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20 julho, 2011 em Manutenção, Segurança

 

Tags: , , , , ,